FORMAS DE MEDICAÇÃO E VIAS DE ADMINISTRAÇÃO PARA OS GATOS

do site da Clínica Veterinária Gatos & Gatos, no Rio de Janeiro – RJ. http://www.gatosegatos.com.br/faq.htm

            A administração dos medicamentos por via oral, nas formas de soluções, suspensões, pós, cápsulas, comprimidos e drágeas, podem ser escolhidas para gatos de fácil manipulação, sendo um método de administração de fármaco satisfatório de ser instituído na casa do proprietário.

       A administração de comprimidos para gatos requer mínima contenção física, mas rapidez e exatidão são fundamentais. O local adequado para medicar um gato é sobre um banco (do tipo igual ao utilizado em bares) sem encosto ou em cima de uma mesa. O banco é a melhor opção, pois o gato fica preocupado em se equilibrar em uma pequena superfície e resiste pouco às manobras para a administração dos medicamentos. O gato não deve ser colocado no colo ou no chão, ele reconhece estes locais como seu território e a resistência à administração do medicamento será com maior intensidade. (veja “COMO DAR COMPRIMIDOS PARA UM GATO” https://blogfelino.wordpress.com/2011/11/14/como-dar-comprimidos-para-um-gato/)

          A cavidade oral do gato é pequena. A escolha do tamanho do comprimido, drágea e cápsula deve ser de acordo com a facilidade do gato engolir; quanto menor o eixo longitudinal do fármaco melhor. As cápsulas quando umedecidas pela saliva aderem à mucosa da orofaringe, sendo recomendado lubrificá-las com manteiga ou margarina, podendo também ser empregado este método para mascarar sabores indesejáveis de comprimidos divididos.

A forma de administração por via oral das preparações líquidas é feita colocando-se o medicamento dentro de uma seringa. A cabeça do animal é imobilizada e a seringa é posicionada na maxila entre o canino e o segundo pré-molar. Pequenas quantidades de líquido devem ser impelidas a cada vez, possibilitando a ingestão pelo animal. É de suma importância manter a cabeça do gato em posição perpendicular em relação ao corpo, evitando-se a falsa via dos medicamentos. A cabeça do felino não deve estar nunca erguida durante a administração das preparações líquidas.

            As preparações líquidas são bem aceitas pelos felinos quando apresentam uma palatabilidade apropriada, ou pelo menos, que o animal não apresente nenhuma objeção. Os gatos não gostam de sabores adocicados e quando os felinos não apreciam o sabor do medicamento, eles salivam profusamente.

          Os medicamentos, em apresentações líquidas, podem ainda ser misturados aos alimentos quando o suporte nutricional está sendo feito de forma involuntária por seringa e, também, diretamente pela sonda pela via nasoesofágica, via orogástrica ou por meio da esofagostomia, oferecendo boa alternativa nas clínicas veterinárias.

A concentração do líquido deve ser de tal forma que permita administrar uma dosagem que não ultrapasse dois mililitros por vez. As formulações líquidas são especialmente úteis para gatos e filhotes que tenham pesos corporais inferiores a 2 kg.

           Nas clínicas veterinárias, a administração de drogas pela via parenteral em gatos é alternativa em uma parcela de pacientes felinos que não aceitam a medicação por via oral, sendo importante via de administração de medicamentos nos animais que estão inconscientes, vomitando, com enfermidade na cavidade oral e nos irascíveis.

                  A aplicação das soluções aquosas, não irritantes, pode ser feita por meio da via subcutânea, estendendo a pele do dorso do felino que é bastante elástica entre as duas escápulas, evitando excesso de manipulação na contenção. A administração de injeções pela via subcutânea é fácil, segura e pouco dolorosa. É aconselhável utilizar agulhas de boa qualidade.

            A administração de fluidos pela via subcutânea pode ser usada com sucesso no tratamento de suporte de muitos gatos enfermos. Essa via pode ser empregada para corrigir um grau de desidratação leve e fornecer a manutenção de fluidos, como também, para corrigir pequenos déficits de eletrólitos e álcali.

               A administração de fármacos pela via intramuscular, principalmente as substâncias oleosas, deve ser feita em infusão lenta na musculatura do grupo dos músculos quadríceps na porção anterior ao fêmur, rotineiramente, pois é de fácil aplicação e contenção, evitando-se injúrias ao nervo ciático. Nos felinos de difícil cooperação, a aplicação da injeção intramuscular pode ser realiza entre a musculatura do semimembranoso e semitendinoso com o animal agarrado na grade. A aplicação de injeção no músculo bíceps femoral é contra-indicada, pois a solução fica acumulada freqüentemente na fáscia do músculo e pode ocorrer lesão permanente no nervo ciático.

             A administração de fármacos pela via intravenosa fica reservada quando da indicação da droga e nos casos em que se desejar imediatamente o
máximo de concentração plasmática da droga após a aplicação, nos pacientes
hipotensos e nos gatos em estado de choque, em conseqüência da péssima perfusão tecidual, impedindo a absorção da droga por via subcutânea ou intramuscular. A via intravenosa é escolhida para a correção de um grau de desidratação grave e de déficit de eletrólitos e álcali, visto que o acesso direto à circulação permite administrar grandes volumes de fluidos.

2 responses to “FORMAS DE MEDICAÇÃO E VIAS DE ADMINISTRAÇÃO PARA OS GATOS

  1. Marinalva francelino da silva

    Não entendie direito como fazer uma intra muscular?

    • Olá, a idéia não é aprender a fazer, e sim conhecer as formas de administração. O médico veterinário é o profissional apto a realizar as administrações. Abraços

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s